31 maio 2007

Piratas do Caribe

Ontem assisti ao filme, Piratas do Caribe no Fim do Mundo.

Como foi dito no filme, o mar é algo tentador, qualquer um quer explorá-lo e conhece-lo.

Piratas levam e desfrutam tudo o que puder e não importa o que ou quem fica pra trás.

Mas eles respeitam ao Código deles, suas próprias leis, como o direito a parlamentação, negociação.

Temos em nós um pouco de piratas.

Talvez não pela criminalidade.

Mas sim pelos sonhos impossíveis de situações e de expectativas de um futuro melhor.

Piratas além de gostarem de se aventurar, são como eu e você.

No fundo o motor que nos impulsiona (a nós como a eles), é para nos trazer a tão almejada felicidade.

Creio que Jesus Cristo veio para homens como eu e Jack Sparrow.

Errantes pelo mundo, doentes e não sãos, e que às vezes nem sabem onde querem ir.

Pois a Graça de Cristo Jesus o Senhor é assim.

Nos revela essa loucura para os homens, que é a sabedoria Divina.

2 comentários:

Lou Mello disse...

Sabedor disso, Jesus proclamou suas Bem Aventuranças. Um manual completo para quem quer ser feliz.

alealb disse...

gostei do post.
beijos,
alê