31 março 2007

3 Acercas

1 - Acerca Batismo do Cristão

Acredito que o batismo do Cristão deve ser realizado em pessoas com discernimento para compreênde-lo.
E que é mais um mandamento a se seguir do que propriamente algo que seria um "marco" na vida do Cristão.
Questão de obediência.

2 - Acerca Bebidas Alcoolicas

Claro que é lícito.
Desde que:
a) Não se embriague ;
b) Não escandalize a outrem (Rom. 14:21 e ICo8:13).


Lembrando sempre que ninguem deve se condenar a si mesmo naquilo em que aprova.

3 - Acerca meu nome

Descobri hoje que To Wander é um verbo na linguagem inglesa.
Significa quem anda sem rumo, sem propósitos.
Maybe, qualquer semelhança não seja mera coincidencia.

29 março 2007

Não Chores.

Lucas 7: 13 Logo que o Senhor a viu, encheu-se de compaixão por ela, e disse-lhe: Não chores.

Jesus Cristo passava por uma cidade chamada Naim, cidade pequena, sendo que nesta ocasião ocorria um velório (vs. 11).

Um jovem morrera, filho único de sua mãe, que era viúva (vs. 12).

E vendo o Senhor o sofrimento daquela mulher, resolveu mudar o curso da natureza e ressuscitar à seu filho (vs. 14).

É este o tipo de amor que creio ser o que Jesus nos ensinou.

E infelizmente não temos amado como Ele nos amou, como Ele agiu na vida daquela mulher não temos agido.

Ainda que por nós mesmos não tenhamos o poder de ressuscitar mortos, podemos nos mover de íntima compaixão por aqueles que necessitam de amparo, de um abraço, um ombro amigo, um beijo, uma palavra de ânimo.

No caminhar da história temos nos desvinculado cada dia mais de Deus, através de nossa cultura egocentrista e malvada.

O que importa é sermos felizes, independente de passar por cima de quem quer que seja.

Não tem vez em nosso mundinho hoje esse tipo de amor.

Quão virtuosos são os homens, poucos eu sei, que verdadeiramente se preocupam em seguir os passos do Mestre.

No tocante a mim, sou um aspirante apenas, a servir a Cristo como Ele serviu e a amâ-lo como Ele amou.

28 março 2007

Arão

Números 6:
22 Disse mais o Senhor a Moisés:
23 Fala a Arão, e a seus filhos, dizendo: Assim abençoareis os filhos de Israel; dir-lhes-eis:
24 O Senhor te abençoe e te guarde;
25 o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti, e tenha misericórdia de ti;
26 o Senhor levante sobre ti o seu rosto, e te dê a paz.

Arão foi o irmão de Móises. Era ele o porta voz de Móises no início da caminhada para libertar o povo de Israel no Egito.

A posteriori Arão tornou-se o sacerdote, representante de Deus perante Israel.

Apesar de ser Móises quem falava com Deus, Arão cuidava do templo e da instrumentalização dos sacrifícios judaicos.

Certa vez, junto com o povo, Arão fez um bezerro de ouro e o adorou.

Em muitas outras se manteve fiel a Móises e às ordens Divinas.

Nesta passagem Deus expressamente passa a Móises mais uma das suas (de Arão) funções, abençoar o povo.

As bençãos consistem em dizer àquilo que o próprio Deus irá fazer.

Que Deus tenha misericordia de ti, levante sobre ti o seu rosto, e te dê a paz.

Vale ainda hoje pra mim, vale pra você.

26 março 2007

Texto de Caio Fábio

Não sejas excessivamente nada...

Nada em excesso faz bem...

Não sejas excessivamente bom para que não te enredes em tua própria bondade, e, assim, te corrompas na presunção de tuas próprias leis de nobreza e misericórdia.

Não sejas excessivamente justo para que a tua justiça não se torne em perversidade.

Não tentes ser amor, mas apenas ama.

Somente Deus é amor.

Nós não sabemos como é ser amor.

Não sejas completamente inclusivo, pois, assim, perderias o teu caráter.

Não sejas completamente exclusivo, pois, assim, perderias a tua alma e tornar-te-í-as empedrado.

Um santo tem que antes ser um bom pecador.

E o caminho para a santidade é vereda do reconhecimento do pecado.

Não busques nem as alturas e nem os abismos.

Se tu chegares num desses pólos... que tenhas sido apenas levado pela vida, não por ti mesmo.

Antes, busca o caminho do equilíbrio e a vereda plana.

Todo excesso destrói o ser!

Caio Fábio

25 março 2007

Começando a semana

Acredito que todo começo deve estar imbuído de motivação e alegria.

Até mesmo para que o desenvolvimento daquilo que há de se iniciar ocorra em tranquilidade.

Entendo que nem sempre é possível começar uma semana alegre, motivado e cheio de sonhos.

E nesses momentos devemos depositar nossa confiança Naquele que pode renovar nossa esperança.

Se não se iniciar tão bem, confie, sua situação ao longo de sua caminhada pode vir a sofrer boas mudanças.

Se já está bem, vigie, pois pode ser que alguma pedra no caminho seja motivo de tropeço a você.

Apesar das mazelas e dificuldades que vivenciamos nós, seres humanos, desejo a cada leitor uma boa semana.

Coloque sua vida nas mãos de Jesus, que vivo está.

23 março 2007

Aparências - Enganam

Cresci conhecendo diversos heróis e seus antagonistas, tais como:

Lex Luthor, Norman Osborn, Coringa, dentre outros que sempre se fazem de bonzinhos mas por trás são uns canalhas.

E aprendi que diversas vezes essa dubiedade de personalidade é encontrada em mim e em todo ser humano.

Situações são forjadas e fazemos de tudo para parecer/ aparentar aquilo que não somos.

A síndrome da aceitação social nos faz tremer tanto que mesmo sem perceber obedecemos os ditames da moda e costumeiros, ainda que moralmente inaceitáveis.

Mesmo que pareçamos com Clark Kent, Peter Park ou Bruce Wayne, devemos prestar atenção que até mesmo heróis como eles tem seus momentos de malvados e inconstantes, apesar de serem heróis.

O que diferencia estes homens daqueles é a capacidade de reconhecerem quando do erro e buscarem uma "redenção" aos seus vacilos.

Em que categoria estamos, na dos vilões de mente cauterizada não-arrependidos ou na dos mocinhos errantes porém susceptíveis de arrependimento?!

Bom FDS.

22 março 2007

Cansaço

To muito cansado

Cansado Mentalmente

Cansado fisicamente

Os dias tem passado tão rápido

Quando se pensa em fim de semana já é segunda

Cansado deste mundo cruel, ao qual estou inserido

E de toda essa "normalidade" antes as aberrações sociais

Quero descansar

Não me conformar

Seguir em frente

Rumo a Cristo

21 março 2007

Intensamente

Ser cristão é mais que seguir rituais, tradições e afirmar que o é.

É respirar o perfume do Mestre.

Imitar Seus passos.

Abraçando e oferecendo amor incondicional a quem quer que seja.

É entregar nossas dificuldades a Ele.

E achâ-lo em um abraço amigo.

Não só crer em sua morte e ressurreição.

Mas viver do modo que Ele viveu.

Intensamente.

20 março 2007

Persista

Sempre em frente, rumo aos seus objetivos.

Se não os tem, trace-os.

Nem todos venceram ou conseguiram obter êxito.

Mas que sentido teria a vida se não pudéssemos correr atrás de nossos sonhos.

Normalmente eu deixo as coisas fluirem naturalmente.

Na maioria das vezes que tentei forjar alguma situação, me frustei.

Mas mesmo na "inércia", quando surge algo não sou de descartar, se me agradar.

Com a oportunidade na mão e a certeza do que se quer, não se pode desistir.

Agora, se a oportunidade não aparecer, se nada der certo, se for só frustação.

Aí meu amigo, só um camarada pode aliviar a dor e o sentimento de fracasso.

Aquele que experimentou a dor e o fracasso.

E sabe, melhor que ninguém o que se passa com você e comigo.

Ele morreu, mas ressuscitou.

E garantiu que estaria conosco todos os dias de nossas vidas.

Se cair, Ele te ajuda a levantar.

Se está em vitória, dê a honra Àquele que te sustentou até aqui.

Seu nome, Jesus Cristo de Nazaré.

Sua contraprestação, seguir Seus mandamentos.

Seu prêmio, a vida eterna.

O preço, Ele já pagou.

17 março 2007

Jesus Cristo - Yeshua Hamashia

Como enfrentar paradoxos da vida?

Alguns homens, os mais ousados, deram seu parecer.

Um disse que só sabe que nada sabe.

Outro que devemos meditar, transceder.

Há os que dizem que com a solução das desigualdades e valorização humana seremos completos.

Lá de uma cidadezinha que quase ninguém conhecia saiu um que disse que devíamos nos dirigir a ele.

E Nele alcançarmos o sentido da vida.

Confesso que mesmo o conhecendo há pouco, já sei que nunca o conhecerei por completo em minha humana vida.

Também que nem sempre eu faço como Ele ensinou, talvez por isso eu quebro a cara direto.

O sentido de viver, não sei explicar.

Quem sabe seja o de desfrutar a cada momento, como nos aparece.

E tentarmos nos contentar com essas situações diárias, para no todo sermos felizes.

Já cansei de ouvir que felicidade é como se caminha, não um objetivo futuro.

Paradoxo ou não, Ele disse que quem quiser ganhar a sua vida, tem que perdê-la por amor a Ele; Pois quem ganhar a vida a perderá.

Quem quiser, quem quiser vir após Ele, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-o.

Fácil não é.

Mas o fardo dele é leve e seu jugo é suave.

Não viver mais para nós mesmos, mas Ele viver em nós. Louca proposta.

E a loucura dos homens é sabedoria divina...

Tudo isso é tão longe da minha realidade...

16 março 2007

Lutero.

"Ah, se Deus permitisse que minha interpretação e a de todos os outros mestres desaparecesse, e que cada cristão pudesse chegar diretamente à Escritura apenas, e à pura palavra de Deus!
Percebe-se já por essa tagarelice minha a incomensurável diferença entre a palavra de Deus e todas as palavras humanas, e como homem algum pode, com todas as suas palavras, adequadamente alcançar e explicar uma única palavra de Deus.
Trata-se de uma palavra eterna e deve ser compreendida e meditada com uma mente silenciosa.
Ninguém é capaz de compreendê-la a não ser a mente que a contempla em silêncio."
Martinho Lutero, 1522.

15 março 2007

Perto, mas longe.

João 18:10
Então Simão Pedro, que tinha espada, desembainhou-a, e feriu o servo do sumo sacerdote, cortando-lhe a orelha direita. E o nome do servo era Malco.
I Pedro 2: 21 a 24
Porque para isto sois chamados; pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas. O qual não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano. O qual, quando o injuriavam, não injuriava, e quando padecia não ameaçava, mas entregava-se àquele que julga justamente; Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados.
Não, não sei se é o mesmo Pedro o que cortou a orelha de Malco e o que reconhece o sofrimento de Cristo Jesus para nossa redenção.
Mas se for, temos aqui um perfeito exemplo de um homem que estava perto, de Jesus, e ao mesmo tempo longe, muito longe.
E será que não é assim comigo e também com você. Nós intulamos Cristãos, seguidores de Jesus Cristo, e em várias ocasiões agimos, se impensadamente não o sei, em desconformidade com os ensinamentos do Mestre.
Mesmo que não seja o mesmo Pedro, perceba que ele andou com Cristo, o mesmo que curou multidões, mudou o rumo de vidas, abençoou aos que estavam afastados, e Pedro ali, bem do ladinho do Mestre, absorvendo suas palavras, seus gestos, seus exemplos e atitudes.
E ainda ouvindo diversas vezes sobre o amor de Deus, andava com sua espada embainhada. Ouvi dizer uma vez que Jesus não o advertira, pois não adiantaria, Pedro até poderia tirar a espada da cintura, mas dificilmente a tiraria do coração.
E foi preciso a morte de Jesus, Sua ressurreição e a descida do Espírito Santo para Pedro aprender, entender, discernir que pelas pisaduras de Cristo, fomos sarados.
Pelo sofrimento e dor do Mestre, fomos escolhidos e presenteados com a possibilidade de sermos chamados filhos de Deus (por adoção, é claro), mas desfrutar do Reino de Deus sendo quem sou, (um desprezível pecador) já é mais que suficiente motivo para Adorá-lo e Exaltá-lo.
Mesmo que nossas espadas continuem em nossas cinturas, minha oração é para que Deus no tempo certo nos faça discernir acerca de nossas atitudes e daquilo que entendemos ser a nossa segurança, pois segurança é só com Jesus Cristo o filho de Deus, antes de chegarmos a cortar a orelha dos Malcos da vida.

13 março 2007

Ira

Efésios 4

26 Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira.

27 Não deis lugar ao diabo.



Tem hora que é dificil.

Parece que nada além de dar umas porradas em alguem vai fazer passar a ira, raiva.

Principalmente naqueles casos que ficam entalados na nossa garganta.

E a Bíblia, como um livro realista que é, prevê sobre a possibilidade de nos irarmos.

E nos ensina que é possível a ira e ainda assim não pecar.

Particularmente, depois de uns minutos sozinho, a ira se esvai.

Orar nesses momentos ajuda.

E assim a razão e um alívio, uma paz enche nossas vidas.

Deus conceda a mim e a você (se às vezes se ira), mansidão e domínio próprio.

Para que nos momentos que o sangue ferver, você e eu saibam administrar-se, controlar-se.

Ta bravo, fala com Deus, Ele julgará sua causa.

12 março 2007

O poder das palavras

Tiago:

3:8 Mas nenhum homem pode domar a língua. É um mal que não se pode refrear; está cheia de peçonha mortal.

3:9 Com ela bendizemos a Deus e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus
.

Há quem diga que é impossível ao homem conter as palavras.
Também já ouvi dizerem que palavras tem poder.
Provérbios diz que é muito boa a palavra dita ao seu tempo.
É certo que muitas vezes proferimos palavras que nos trazem arrependimento posterior.
Temos que vigiar para falar no tempo devido.
E até para conter nossa língua.
Fazendo assim, evitaremos muita dor, sofrimento e decepções.
Não é fácil, mas quem disse que seria?
Vale a pena pelo menos tentar.
É uma batalha diária, árdua e constante.
Deus nos dê Graça.

10 março 2007

Sabadaço

Olhando ao horizonte
Viajo constantemente
Por além das fronteiras
A lugares que talvez nunca irei
Sonhos que nascem
Sonhos que morrem e desaparecem
Sonhos mortos que insistem em voltar
Situações que gostaria que fossem reais
Como se a realidade fosse possível
Ou se o irreal tornar-se real
Andando por aí
Imaginando possibilidades
Recusando outras que ainda não ocorreram
Tentanto ser feliz
Tentando ser HUMANO.

08 março 2007

Dias e dias

Dificilmente eu faço acepção de dias, principalmente dias comerciais e de cunho discriminatório (em minha nada importante opinião).

Mulheres devem ser amadas, paparicadas e presenteadas todos os dias.

Não são poucos os dias que enfrento mazelas, dificuldades e obstáculos, creio que assim com você, afinal salvo se for um anjo (ou um demonio talvez), é de carne e osso como eu.

Meu Mestre (Jesus Cristo) já havia me avisado, que cada dia tem seu mal.

E avisou mais, que não devemos nos preocupar com o amanhã, pois o amanhã a Deus (a ELE) pertence.

Bem, não é tão fácil assim às vezes, mas eu acho que Ele queria deixar claro é que confiando NEle teríamos a Sua paz, a que excede todo entendimento.

Mas aí você me diria, eu confio e não sinto essa paz.

Então eu te direi, leia Mateus 5: versículos 3 a 11.

E creia (eu também preciso) que mesmo sem vestígios de milagres e boas notícias (em alguns dias), há uma esperança, que morreu sim, mas que ressuscitou ao terceiro dia para desfrutarmos das suas bem-aventuranças (felicidades) prometidas, em Glória (no céu).

O nome da sua esperança deve ser este:


JESUS CRISTO DE NAZARÉ, O FILHO DE DEUS.

Fora DEle não há salvação, nem para mim, nem para você.

07 março 2007

Enquanto isso, na sala da Justiça...

Deus continua a trabalhar, resolvendo os pepinos da humanidade, abençoando e realizando milagres nas chamadas causas impossíveis e tratando de não deixar o justo mendigar o pão.
Jesus Cristo trabalha também, advogando em causas alheias, por pessoas que como eu, não merecedoras, carecem da Graça Divina, por não ter nada inerente a ele (a mim) que venha a agradar ao Mestre.
A humanidade (em parte) trabalha, e quando não trabalha ou trata de arrumar mais pepinos pra Deus resolver ou clama ao Senhor Jesus misericórdia pra sair do pepino/ problemas (nada contra pepinos, claro).
Lúcifer também trabalha, como um leão sempre em derredor, pronto para enganar e tragar o primeiro vacilão que não estabeleceu procuração com plenos poderes a Cristo, e sua função primordial é matar, roubar e destruir.
Tudo ainda trabalha, como disse o autor de Provérbios, devemos aprender com as formigas, que são fracas mas ajuntam sua comida no verão, para no inverno, não morrerem de fome.
Em meio a tanto trabalho, já cansei.

05 março 2007

Aquele que tem olhos para ler, leia.

João 14:6
Jesus respondeu: Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém pode chegar até o Pai a não ser por mim.
João 8: 31, 32
Então Jesus disse para os que creram nele: Se vocês continuarem a obedecer aos meus ensinamentos, serão, de fato, meus discípulos e conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.
2 João 5:3,4
Pois amar a Deus é obedecer os seus mandamentos. E os seus mandamentos não são difíceis de obedecer porque todo filho de Deus pode vencer o mundo.


Jesus de Nazaré, o Cristo/ Messias, filho de Deus, a verdade em forma de pessoa, a pessoa que nos liberta, a verdade que não é difícil de se seguir nem de observar.
"SENHOR DEUS, ENSINA-ME A TE AMAR MAIS, ATÉ O PONTO EM QUE EU CONSIGA OBEDECER OS SEUS MANDAMENTOS, E VERDADEIRAMENTE SENTIR A TUA PATERNIDADE, em nome de JESUS CRISTO, o SENHOR, amém."

02 março 2007

Segura na mão de Deus

Como diz uma música antiga, Segura na mão de Deus, pois ela te sustentará...
E se não sustentar, esteja certo de que pelo menos chorar contigo Deus vai.
Hoje fui interpelado com uma questão interessante, sobre o que eu creio a respeito do agir do diabo na vida do homem. Mais que na hora, tive que achar uma resposta, e saiu uma mais ou menos assim:
Creio que Deus é o legislador/ criador de todas as coisas, e que nada passa desapercebido aos seus olhos. E que o ordenamento normativo que Ele deixou, Ele mesmo tem de observar, haja vista sua impossibilidade de negar a si mesmo e a suas próprias palavras. O diabo/lúcifer por sua vez, também é um observador da lei, porém como um advogado (uma das mais lindas profissões, se usada corretamente) ele procura as brechas desta lei para seu agir e seu favorecimento. Não é uma espécie de capataz ou justiceiro divino castigando os inimigos de Deus, pelo contrário é um observador da estrita legalidade do Universo, outorgada por Deus.
Numa ótica macro, nenhuma folha cai sem a permissão divina. Mas na micro, Deus raramente interfere no desenrolar das suas próprias leis naturais que por si mesma rege o universo. Deus seria o mistério, Aquele que age como quer e quando quer, realizando milagres em quem quer.
Digo isto, pois em qualquer lugar que tenha qualquer tipo de crença, há relatos de milagres e curas atribuídos a Deus, ou a seus deuses, quando na ignorância.
O sol, nasce para ricos e pobres, crentes e não-crentes, justos e pecadores. Portanto, aqui na Terra, não há, em regra, que se falar de preferência divina por uns em detrimento de outros.
Repito, na Terra. Em Glória, quando o que é corruptível se revestir de incorruptibilidade, a conversa é outra.
Fim de semana cheio da graça E paz Divina para ti.

01 março 2007

March and I.

Novo mês, mesma vida, algumas metas diferentes.
Fico admirado como tenho o dom, se é que assim pode ser chamado, de mudar de opinião rápido.
Não é atoa que sou um homem de ânimo dobre, inconstante em todos meus caminhos, inconsistente acerca de mim mesmo. E me pergunto sempre se é só eu o maravilhado com meus próprios defeitos, ou se com você também é assim com os seus.
Ontem, quarta, deixei de ir ao culto da igreja a qual sou membro, e descobri que a pregação versava sobre achar a Deus nas dificuldades. E descobri mais, descobri pela lógica que Deus não quer ser achado por mim, senão me daria a fórmula me levando lá.
O pastor da igreja, meu pastor, é um homem versátil, perspicaz, tão mala que geralmente quando não sabe responder algumas questões faz seu oponente se embaralhar consigo mesmo a ponto de não conseguir mais sustentar sua tese. Deve ter aprendido com Paulo Brabo as teses para vencer a argumentação do seu adversário. Ou devem ensinar essas coisas nas faculdades de Teologia.
Estudando de domingo a domingo, pretendo ver passar esse mês, além é claro dos outros afazeres que possuo e que não tem tanta importância.
Em relação a minha inconstância, tenho me identificado comigo mesmo nestes dias, de claúsula pétrea passível de Emenda Constitucional (certezas passíveis de mudanças), sei que sou um grutense, que não tem gruta e usa a do Lou, e talvez um cara legal incompreendido, pra não falar outra coisa e algumas outras qualidades misturadas com o ad infinitum de defeitos e manias.
Bem, como diz Doug Fanny, esse sou eu.