07 março 2007

Enquanto isso, na sala da Justiça...

Deus continua a trabalhar, resolvendo os pepinos da humanidade, abençoando e realizando milagres nas chamadas causas impossíveis e tratando de não deixar o justo mendigar o pão.
Jesus Cristo trabalha também, advogando em causas alheias, por pessoas que como eu, não merecedoras, carecem da Graça Divina, por não ter nada inerente a ele (a mim) que venha a agradar ao Mestre.
A humanidade (em parte) trabalha, e quando não trabalha ou trata de arrumar mais pepinos pra Deus resolver ou clama ao Senhor Jesus misericórdia pra sair do pepino/ problemas (nada contra pepinos, claro).
Lúcifer também trabalha, como um leão sempre em derredor, pronto para enganar e tragar o primeiro vacilão que não estabeleceu procuração com plenos poderes a Cristo, e sua função primordial é matar, roubar e destruir.
Tudo ainda trabalha, como disse o autor de Provérbios, devemos aprender com as formigas, que são fracas mas ajuntam sua comida no verão, para no inverno, não morrerem de fome.
Em meio a tanto trabalho, já cansei.

2 comentários:

Lou Mello disse...

Não se engane meu velho: o pior do trabalho é ter que trabalhar.

Wander Morínigo Teixeira disse...

bem dito.